Portugal

Últimos dias para aproveitar as festas de Natal

29 Dezembro, 2013

As férias escolares ainda não acabaram e por isso, se ainda não visitaram, ainda há tempo! Visitem uma das festas de Natal espalhadas pelo país, de Norte a Sul: Santa Maria da Feira, Óbidos ou Lisboa. Aqui fica a nossa experiência, para que vos ajude a decidir:

TERRA DOS SONHOS – Santa Maria da Feira

Foi a primeira vez que fomos a Santa Maria da Feira nesta época do ano e ficámos encantados com a transformação do local. A magia, a alegria, o espírito que reinava por todo este parque no dia que o visitámos era contagiante. Todo o espaço envolvente é muito bonito, e cada ano cresce mais um pouco: este foi o primeiro ano em que o Castelo também integrou o recinto da festa.

Eu gostei muito de ver o empenho dos jovens que faziam parte da equipa técnica da festa – eram eles que nos indicavam o caminho, nos ajudavam nos divertimentos, nos encantavam com adereços e histórias de encantar. Já os miúdos gostaram bastante da peça dos piratas e da casa sem parede e divertiram-se no slide e no arvorismo.

A interacção com os visitantes é enorme, de vez em quando lá aparece algum grupo a cantar ou a brincar com quem passa. O cartaz de espectáculos também é extenso e muito diversificado, com muitas coisas a decorrer ao mesmo tempo. Apenas a oferta de restauração me desiludiu, a escolha era restrita e as filas enormes. Para os mais atrasados (ou repetentes) contem agora com mais um dia extra!

VILA NATAL – Óbidos

Esta festa já faz parte da rotina da minha família nas férias de Natal. A Vila é bonita, merece sempre uma visita, e a festa normalmente consegue encantar e entreter a família por algumas horas. Apesar de alguns divertimentos serem pagos à parte do bilhete de entrada, há oferta para todas as faixas etárias. Desta vez os meus filhos não quiseram andar na pista de gelo (mais pequena este ano), preferiram as bóias e a escalada.

Gostámos bastante das brincadeiras da equipa de animação (Pai Natal incluído) mas achei que os espectáculos eram bastante similares aos dos anos anteriores. Em relação a comes e bebes, a oferta é bastante diversificada.

ALDEIA NATAL – Lisboa

Pela primeira vez, este ano Lisboa transformou parte do parque Eduardo VII numa feira temática dedicada ao Natal. A grande vantagem pode mesmo ser essa: ter uma festa bem no centro da cidade. A desvantagem é o tamanho, a feira visita-se em pouco mais de duas horas, pelo menos no meu caso em que todas as atracções parecem infantis já pouco interessantes para a idade dos meus filhos. Para os mais velhos há então pouco para fazer.

A nossa grande expectativa era o presépio vivo. E foi para isso que nos dirigimos directamente. Lá estão os três reis magos e todas as outras figuras esperadas neste cenário. No “acampamento” demorámo-nos mais um pouco: o Francisco quis saber a estratégia utilizada!

O espaço das renas e duendes despertou alguma atenção nos miúdos. E a casa do Pai Natal tinha uma fila enorme para entrar e claro “já não é para a nossa idade, mãe”!

Valeu a grande e diversificada oferta de restauração, que sempre deu para adoçar um pouco mais a visita.

RECOMENDO TAMBÉM

Deixe um comentário