DICAS DE VIAGEM

Dicas de Mãe #1: Elsa do Mãe-Me-Quer

4 Maio, 2014

Hoje é Dia da Mãe. Aproveitem para mimar e serem mimadas!

Mas porque apenas um dia é muito pouco para homenagear todas as mães, a partir de hoje e durante todo o mês de Maio vou apresentar-vos aqui algumas mulheres a quem pedi que me dessem 3 truques que usam, para tornar cada viagem mais fácil: boas ideias que praticam e erros que cometem quando andam com os filhos pelo mundo.

Porque viajar com a família, tem o seu próprio ritmo e até rituais que convém não esquecer. Há coisas que não podem mesmo faltar na mala, há sítios onde todos se sentem em casa e, como em tudo, há aquelas lições que só se aprendem com a experiência!

Umas são bloggers, outras não. Umas são figuras públicas, outras nem por isso. Umas viajam, definitivamente, mais que outras. Mas em comum têm a vontade, e a coragem, de pegar nos filhos e mostrar-lhes de que é feito o mundo.

São pois todas mulheres especiais com um projecto pessoal ou profissional em diversas áreas que vale muito a pena conhecer – culinária, moda, fotografia, design, jornalismo – tudo feito com muita criatividade, empenho e carinho. Que mais se esperaria de uma mãe?…

Assim, e com três perguntinhas apenas, se aprende um pouco mais sobre viajar em família!

Nome da Mãe: Elsa Lisboa

Idade dos Filhos: 7 e (quase, quase) 2 anos

Projecto: Mãe-Me-Quer

O portal Mãe-Me-Quer nasceu do sonho da Elsa e de uma amiga. Queriam criar um espaço onde, pais e futuros pais encontrassem uma rede de apoio e informação credível sobre a concepção e o desenvolvimento infantil, quando elas próprias estavam a passar pela experiência da maternidade. Informação útil e sugestões disponíveis online, que contribuem para viver em pleno as várias etapas da vida em família.

Mãe-Me-Quer

Elsa e família nas Ilhas Phi Phi, Thailândia

As três perguntinhas, transformadas em dicas de mãe:

1 – Uma coisa que vai sempre na mala – o boneco preferido dos meus filhos.

2 – Um destino que nunca desilude – um destino que tenha praia e que a água do mar seja quentinha, é sempre um sucesso garantido!

3 – Um erro a não repetir – levar muita bagagem, só aconteceu na primeira viagem que fiz com o meu filho, tinha ele 7 meses. Depois disso foi sempre a simplificar e agora somos 4 e levamos apenas 2 malas mesmo que para outro continente e por um mês, como aconteceu recentemente.

 

 

 

RECOMENDO TAMBÉM

Deixe um comentário