Dinamarca

Carlsberg: mais do que apenas cerveja

27 Outubro, 2013

A ideia de visitar a fábrica/museu da Carlsberg pode parecer, à primeira vista, um passeio pouco aliciante para fazer com crianças. Aliás quando disse a alguns amigos que lá ia, alguns até questionaram a minha escolha: “ir a uma fábrica de cerveja com o miúdo?”

Bem sei que não é o passeio preferido, nem prioritário, para se fazer com a família, mas a verdade é que vou a uma fábrica de cerveja, como vou a outros locais com qualquer outro tipo de produtos. Neste caso muito específico, devo confessar que este tipo de bebida nem é o meu preferido, mas aqui a curiosidade foi mais forte do que as minhas preferências pessoais.

Além disso, esta decisão faz parte de uma escolha sigo desde sempre: quero que os meus filhos tenham a oportunidade de conhecer um pouco de tudo e não apenas coisas ou locais especialmente concebidos para as crianças. Gosto, no fundo, que tenham uma ideia “real” do mundo e não cresçam a pensar que tudo funciona como nos contos de fadas. Porque, na verdade, não funciona!

A visita à Carlsberg é semelhante a uma visita a um museu. A fábrica e vários outros edifícios administrativos fazem parte desta área – em muitos mapas da cidade de Copenhaga (Dinamarca), esta zona é mesmo conhecida por Carlsberg – mas são locais de trabalho e não estão abertos ao público.

Assim, o que faz parte da visita é:

Exposição – está distribuída por diversos espaços e eu até a divido por diversos temas:

  • carros de distribuição antigos
  • maior colecção de garrafas de cerveja do mundo – Portugal também está representado!
  • relato da história desde o início da fundação da Carlsberg por J.C. Jacobsenem em 1847 até à empresa mundial em que se tornou actualmente

Estábulos – esta fábrica sempre esteve associada a cavalos, desde que transportavam os barris de madeira e aqui estão algumas carrinhas de transporte antigas e os cavalos usados para eventos especiais.

Passeio de Charrete – arrisco afirmar que é a parte da visita mais empolgante para os miúdos: dura cerca de 20 minutos e tem cobertores à disposição, mas atenção esta é uma actividade apenas disponível em algumas datas festivas, é preciso confirmar antes de ir.

Restaurante – é aqui que é feita a prova de bebidas (cada visitante tem direito a duas bebidas incluídas no preço – cerveja ou refrigerante) e onde está também a “sala de aromas” para através do cheiro cada pessoa decidir qual o sabor de cerveja que mais gosta. O Francisco ousou experimentar mas não se conseguiu decidir, talvez dentro de alguns anos seja mais fácil escolher!

DICAS:

  • Reservar cerca de uma hora e meia para a visita
  • Para ver os estábulos e cavalos não é necessário comprar bilhete, apenas se devem dirigir à recepção para informar o número de adultos e de crianças
  • Algumas partes da visita têm acesso por escadas (o que dificulta levar o carrinho)
  • O restaurante serve sopa, várias sanduíches e até pratos típicos dinamarqueses. Para cada tipo de comida há uma sugestão de cerveja
  • As bebidas alcoólicas são apenas servidas a maiores de 18 anos
  • É uma visita bem mais curta do que à Guinness Storehouse em Dubin (Irlanda), por exemplo, mas se houver tempo de sobra na cidade ou grandes fãs de cerveja na familia vale a deslocação
  • Visitar numa época de férias escolares pois é de esperar que existam actividades especiais preparadas para as crianças

ACESSO:

A Carlsberg fica a pouco mais de 2 kms da estação de comboios de Copenhaga, no centro da cidade. À excepção do carro e da bicicleta que levam cerca de 10 minutos a chegar lá, com as outras opções demora-se aproximadamente meia hora:

  • A pé
  • De S-Trains (comboio), pelas linhas B e C (15 minutos de comboio + 15 minutos da estação à entrada)
  • De autocarro, números 18 e 26 (25 minutos de autocarro + 5 minutos da estação à entrada)

PREÇO:

  • Entrada Adulto (mais de 18 anos) –  70 coroas (+/- 9,5 euros)
  • Entrada Criança (entre 6-17 anos) – 50 coroas (+/- 7 euros)
  • Entrada Bebé (até 5 anos) – grátis
  • Passeio de charrete – 15 coroas (+/- 2 euros)
RECOMENDO TAMBÉM

2 Comentários

  • Reply ritagomesmartins 27 Outubro, 2013 at 12:28

    Que engraçado! Muito indêntica à Heineken, local que visitei em Amesterdão.

    • Viajar em Familia
      Reply Viajar em Familia 27 Outubro, 2013 at 16:26

      Sim Rita, há várias fábricas de cerveja em capitais europeias que se podem visitar.
      Obrigada pelo contributo 🙂

    Deixe um comentário