Brasil, Brasileirando, Rio de Janeiro

Querem sobrevoar o Cristo? Experimentem aterrar no Santos Dumont

7 Outubro, 2016

Aterrar no Santos Dumont é completamente arrepiante. Mas um arrepio muito bom! Quem já experimentou sabe do que falo.

O aeroporto Santos Dumont fica mesmo pertinho do centro da cidade e por isso aterrar lá é a possibilidade de sobrevoar – quase roçar – vários edifícios e símbolos do Rio de Janeiro.

Morro do Corcovado e  Cristo Redentor, incluídos! Além, claro, da contemplação da paisagem urbana e natural da cidade, mesmo antes de aterrar. Mar, favela, floresta, está tudo lá! Lindo!

aterrar no Santos Dumont

Lindo!!

aterrar no Santos Dumont

Que experiência imperdível!… Ao aterrar no Santos Dumont é assim!

Na última viagem ao Brasil, usámos a ponte aérea entre São Paulo e Rio, fazendo a partir daí depois o regresso a Lisboa. Tinham-me recomendado escolher lugares na parte direita do avião, para melhor apreciar a surpresa.

A tal surpresa que presenteia todos os viajantes que vão aterrar no Santos Dumont! A tal surpresa de ver bem de pertinho, e numa perspectiva privilegiada, as famosas paisagens de cortar a respiração da Cidade Maravilhosa.

Muitos dos voos internos usam o aeroporto Santos Dumont, que é mais central do que o aeroporto internacional Galeão. E pelo que já me tinham contado, adivinhava uma experiência especial. Conseguiu superar.

aterrar no Santos Dumont

Que vista magnífica! É assim aterrar no Santos Dumont

aterrar no Santos Dumont

A linda vista ao chegar ao Rio de Janeiro no Santos Dumont

Mas a história deste nosso voo, começou logo cedo no aeroporto de Guarulhos em São Paulo. Mais de uma hora sentados no avião com a porta aberta, à espera de ordem para descolar.

Sorte a nossa, que tínhamos os primeiros lugares, logo na parte dianteira do avião, e apanhávamos o ar que entrava pela porta.

O ar fresco, a simpática companhia do assistente de bordo (que gostava muito de Portugal) e um pequeno lanche de snacks de polvilho – do mesmo género dos Biscoitos Mate que se vendem nas praias do Rio.

porta avião aberta

A porta aberta do avião, à espera de levantar voo no aeroporto de Guarulhos

polvilho snack

Snacks de polvilho

A enorme emoção que é aterrar no Santos Dumont é pois uma curiosidade que talvez poucos saibam, mas que é uma experiência super interessante. Se puderem não percam!

Entretanto, podem também inspirar-se no livro “Não se encontra o que se procura” de Miguel Sousa Tavares, onde li pela primeira vez a descrição desta aterragem tão única e singular.

aterrar no Santos Dumont

A chegada ao Rio de Janeiro

aterrar no Santos Dumont

Já em terra, depois da aterragem no Santos Dumont, Rio de Janeiro

****

Estamos no facebook e instagram

RECOMENDO TAMBÉM

Deixe um comentário